Mudar de país é muito bom, principalmente quando o objetivo é ter uma vida melhor, mas é um processo que pode mudar os nossos hábitos, aumentar o nível de estresse e ansiedade e prejudicar a forma como nos alimentamos. 

Ficar longe da família, se adaptar à nova vida, conseguir um bom emprego, fazer amigos, sofrer descriminação, aprender um novo idioma, são alguns exemplos de dificuldades que nós passamos por aqui. 

Além disso, os Estados Unidos é um país que promove acesso a muitas coisas boas e ruins. Os hábitos alimentares dos Americanos não são nada saudáveis, em torno de 42% estão obesos e 32% acima do peso, somente 26% da população está com o peso ideal. Triste!

Em qualquer lugar que você vai aqui, tem um chocolatinho Lindt para vender ou outros alimentos açucarados, que se você estiver com fome ou mal alimentado, podem ser irresistíveis. 

Todos os dias de manhã vejo filas e mais filas nos drive-throughs do Dunking Donuts e do Mc Donalds, nesses lugares só tem alimentos extremamente prejudiciais, não tem problema você ir de vez em quando, se a sua alimentação diária está saudável, o problema é que as pessoas transformam isso em um hábito e vão todos os dias, mais de uma vez.  E quando você vai em algum lugar comer uma saladinha, ela vem cheia de molho, você só sente o gosto do molho e perde completamente o paladar para alimentos saudáveis, sem falar do ketchup ou do refrigerante que acompanham a maioria das refeições por aqui e tudo em grande quantidade. 

Estes hábitos acabam sendo adquiridos pela maioria dos brasileiros que vem morar aqui, pois ficamos muito entusiasmados com tudo que os Estados Unidos nos proporciona e queremos aproveitar e usufruir. E o resultado é o ganho de peso e piora do estado geral de saúde.  

Mesmo eu, nutricionista, me controlo diariamente para não cair em tentações alimentares por aqui. 

Minhas recomendações, de uma forma bem resumida, são: tente manter os hábitos alimentares do Brasil, faça o máximo de refeições em casa, carregue os seus lanchinhos, diga não para os alimentos não saudáveis, evite os molhos, refrigerantes, não fique experimentando tudo o que você vê pela frente, selecione o que você vai comer, não exagere nos finais de semana, come sempre muitas frutas e legumes, e eventualmente, se permita, sem culpa, comer algo diferente e que você tenha vontade. Muito importante também, é cuidar da sua saúde mental. 

Consulte uma Nutri se você precisa de ajuda para melhorar a sua alimentação e está acima do pesom e chame que eu posso te ajudar: Telefone:+1(786) 376-9363 ou pelo e-mail [email protected]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Usamos cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência em nosso site. Ao continuar a usar este site, assumiremos que concorda com nossa Política de Privacidade.
×

Hello!

Click one of our contacts below to chat on WhatsApp

×